Basquetebol: Jogo decisivo da Selecção no Multiusos

980selecaob1_1_980_2500.jpg

As selecções A masculinas de Portugal e Chipre na modalidade de basquetebol encontram-se, domingo, 25 de fevereiro, às 16h00, no Pavilhão Multiusos de Sines para um jogo de pré-qualificação para o Eurobasket.

Se Portugal vencer por mais de 2 pontos fica apurado para a fase de qualificação da competição.

A entrada para ir apoiar a seleção nacional neste objectivo é livre e não necessita de levantamento de bilhete.

Para este jogo decisivo a equipa técnica nacional convocou os seguintes atletas:

  • Cláudio Fonseca (SL Benfica)
  • Fábio Lima (CAB Madeira SAD)
  • João “Betinho” Gomes (Aquila Basket Trento, Itália)
  • João Guerreiro (UD Oliveirense)
  • João Soares (SL Benfica)
  • José Barbosa (UD Oliveirense)
  • José Silva (SL Benfica)
  • Miguel Maria Cardoso (Vitória SC – Guimarães)
  • Miguel Queiroz (FC Porto)
  • Nuno Oliveira (SL Benfica)
  • Stefan Djukic (Plymouth Raiders, Inglaterra)
  • Tomás Barroso (SL Benfica)

Desde que foi inaugurado, em 2013, o Pavilhão Multiusos de Sines tem sido uma das casas da seleção nacional de basquetebol nos jogos de apuramento para competições internacionais.

Em fevereiro, o Chipre junta-se à Holanda, Hungria, Bielorrússia e Bulgária na lista de adversários que os melhores do basquetebol português já defrontaram em Sines.

O jogo é uma organização conjunta de Federação Portuguesa de Basquetebol, Associação de Basquetebol de Setúbal e Câmara Municipal de Sines.

Anúncios

FMM: De Kroke a Huun-Huur-Tu | 10 novas confirmações.

980kroke_1_980_2500.jpg

O FMM Sines – Festival Músicas do Mundo, cuja 20.ª edição acontece de 19 a 28 de julho de 2018 em Sines e Porto Covo, tem 10 novas confirmações dos cinco continentes no seu programa de concertos.

BaianaSystem é uma das revelações da música brasileira. Formado em 2009, dá um novo protagonismo à guitarra baiana no seio de um som inspirado nos sound systems jamaicanos. Samba-reggae e muito mais, de Salvador da Bahia para o mundo.

C4 Trío, que esteve programado para a edição passada do festival, mas não pôde estar presente, é um trio de cuatro, cordofone símbolo da música instrumental da Venezuela. Em palco, três cuatristas e um baixista, para fazer ouvir repertório de raiz tradicional, com incursões no ska e no rock.

Gili Yalo é um cantor e compositor situado entre a Etiópia e Israel. Nos anos 80, foi um dos refugiados judeus etíopes resgatados por Israel na operação Moïse, nos tempos piores da fome e da ditadura na Etiópia. Radicado em Tel-Aviv, faz música nas fronteiras entre o ethio-jazz e o funk.

Guy One cresceu pobre, pastor e autodidata, no norte do Gana. Hoje é um dos embaixadores do estilo Frafra no circuito internacional da música. O seu disco “#1”, editado em Berlim pelo produtor Max Weissenfeldt, baseia-se no som do Kologo, uma espécie de banjo de duas cordas.

Huun-Huur-Tu é um dos grupos mais reconhecidos das músicas do mundo, pioneiros na divulgação do canto diafónico khöömei. Das montanhas Altai do centro-sul da Sibéria a colaborações com Frank Zappa ou Ry Cooder, transportam consigo os sons das pastagens de Tuva.

Kroke é, há mais de 25 anos, um dos nomes sonantes da música europeia de raiz tradicional. Quando começaram, nas ruas e clubes na velha zona judaica de Cracóvia, klezmer era o seu estilo dominante. Actualmente, em formação de trio, são mais intimistas e abertos.

La Tène é um trio franco-suíço com ecos de música tradicional, electrónica e clássica contemporânea. A sua arte é o produto das dinâmicas que se geram entre os três instrumentistas: Alexis Degrenier (sanfona), D’incise (harmónio indiano e electrónica) e Cyril Bondi (percussões).

Markus with Shahzad Santoo Khan junta um alaudista e compositor francês e um cantor de qawwali paquistanês. Acompanhados por Régis Martel na bateria e Xavier Pourcher nas teclas e programação, criam paisagens sonoras onde se esbate a fronteira entre Oriente e Ocidente.

Opal Ocean é um duo de guitarra acústica formado por dois músicos radicados em Melburne, Austrália, o neozelandês Nadav Tabak e o francês Alex Champ. A sua forma altamente percussiva de tocar aproxima-os do flamenco, mas também do rock.

Sofiane Saidi & Mazalda dá a conhecer ao público do FMM Sines um cantor que foi apelidado de “Príncipe do Raï 2.0”. Entre Sidi Bel Abbès e Paris, Sofiane Saidi é um artista na melhor tradição do rock argelino, com o poder da banda Mazalda a dar suporte à sua performance vocal.

Foto – Kroke (c) Jacek Dylag

Crianças: Lançado projecto para cortar consumo de açúcar.

transferir.jpeg

O projeto-piloto “100 açúcar” pretende promover hábitos alimentares mais saudáveis nas crianças até aos três anos através dos infantários, onde passam grande parte do dia.

“Iogurte com bolacha, iogurte aromatizado, papa com adição de açúcar, lanches sem fruta, douradinhos e salsichas e ‘coisas’ processadas não devem estar em ementas infantis”, exemplificou hoje à agência Lusa a coordenadora do projecto, Cátia Moura, enfermeira no Centro de Saúde de Sines, onde acompanha a área de Saúde Infantil.

Lembrando que o surgimento de doenças “associadas ao estilo de vida” está a “aumentar” e que “há crianças com diabetes cada vez mais cedo”, Cátia Moura considerou importante envolver as escolas na promoção de hábitos alimentares saudáveis.

“As escolas têm que ser exemplo e têm que ter ementas e práticas que se rejam por aquilo que é conhecimento e é evidência científica que o açúcar refinado não deve fazer parte da alimentação diária de uma criança dos zero aos três anos, tal como o sal”, defendeu.

Através do projecto “100 açúcar”, profissionais do Centro de Saúde de Sines, em colaboração com a Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA) e a Unidade de Saúde Pública, vão analisar e ajudar a preparar ementas mais saudáveis, mas também vão promover acções de formação para funcionários, educadores e pais.

As instituições de educação que aderem ao projecto assinam uma “carta de compromisso”, em que concordam aplicar “dez mandamentos” sobre a “adopção de um estilo de vida saudável”, explicou Cátia Moura.

No final de cada ano, é feita uma avaliação de cada estabelecimento aderente e, no caso de ter cumprido o estipulado no projeto, é atribuído “um selo” de certificação.

 

“Não oferecer alimentos com adição de açúcar”, “proibir a entrada de doces e refrigerantes na escola” e “cumprir e respeitar a roda dos alimentos” são alguns dos “mandamentos” com que se comprometem os infantários aderentes.

O projecto foi bem recebido por Carla Santos, directora de um dos infantários aderentes em Sines, considerando que a implementação “não vai ser difícil”, mas reconheceu, no entanto, que “mudar mentalidades” pode ser “desafiador”.

“Acredito que até ao final deste ano lectivo a gente já tenha alterado algumas coisas e que no início do próximo ano letivo já sejamos ‘100açúcar’”, sublinhou.

O “100 açúcar” é um projecto-piloto que vai, para já, ser aplicado nas instituições com creche O Capuchinho Vermelho, A Conchinha, O Pintainho e no Colégio Estrela do Mar, em Sines, abrangendo cerca de 320 crianças.

A responsável da Unidade de Saúde Pública do Litoral Alentejano, Fernanda Santos, espera que o programa venha a ser alargado a outros infantários nos concelhos vizinhos de Santiago do Cacém, Odemira, Grândola e Alcácer do Sal.

“A nossa ideia é começarmos aqui e nos anos seguintes estender às restantes escolas do litoral alentejano”, disse Fernanda Santos, considerando o açúcar uma “grande preocupação”.

“Não é tanto o mal que o açúcar faz às crianças nesta idade, mas é os hábitos que estas crianças vão ter de comer açúcar e sal e que vão levar para a vida adulta, porque começam a sentir necessidade. Uma criança que nunca comeu açúcar, não sente necessidade de açúcar”, concluiu.

Noticias de Sines com SAPO 24.

Balanço positivo do Carnaval Sines 2018

Fotor_151861785685840.jpg

O Carnaval de Sines de 2018 terminou ontem com o segundo desfile diurno, e termina com um balanço positivo que superou todas as expectativas. Mais participantes, mais visitantes e mais visibilidade nos meios de comunicação social. Até o factor da meteorologia ajudou a festa, mantendo-se a chuva fora dos dias programados e uma temperatura aceitável. Para além do trabalho de todos, ao longo dos últimos meses, há que se realçar também o papel dos patrocinadores, de vários sectores, que este ano surgiram em maior número e desta forma contribuir para o equilíbrio. Os pontos menos positivos, ao que tudo indica foram identificados, fazendo com que haja perspetivas de uma melhor edição em 2019. A Comissão Provisória, que teve o árduo trabalho de gerir esta edição, deixou boa imagem, não se sabendo ainda se os elementos que a compõem irão disputar as eleições para uma Comissão Efectiva, ao que tudo indica em Abril.

Basquetebol: Benfica vence Taça Hugo dos Santos

980basquete3_1_980_2500.jpg

O Sport Lisboa e Benfica conquistou a nona edição da Taça Hugo dos Santos, disputada a 10 e 11 de fevereiro no Pavilhão Multiusos de Sines, batendo a União Desportiva Oliveirense na final por 99-85 pontos.

Os clubes finalistas tinham vencido o Vitória de Guimarães e o Futebol Clube do Porto nas meias-finais.

Foi a sexta vez que o Benfica conquistou esta competição, equivalente à taça da liga da modalidade.

Foi também mais uma vitória da equipa lisboeta no multiusos de Sines, depois de, em outubro de 2017, ter conquistado a supertaça neste mesmo equipamento.

O basquetebol de alto nível volta a Sines ainda este mês de fevereiro, no dia 25, às 16h00, com um jogo da seleção nacional masculina de Portugal contra a congénere do Chipre, integrado na fase de pré-qualificação para o Eurobasket’2021.

A Taça Hugo dos Santos foi uma organização conjunta de Federação Portuguesa de Basquetebol, Associação de Basquetebol de Setúbal e Câmara Municipal de Sines.

Foto: Sportflash / FPB

Afluência do Carnaval excede expectativas.

Fotor_15184352246725.jpg

O Carnaval de Sines versão 2018 ficou marcado pela maior afluência dos últimos anos, superando as melhores expectativas possíveis tanto da população com da própria Comissão. Para além da boa participação dos grupos e dos foliões, os números indicam que para além da população ter dado de si para a boa afluência, igualmente os visitantes contribuíram para este brilho, vindo de vários pontos do país para contribuir para a nossa festa. A afluência foi tanta, que houve dificuldade nas bilheteiras, tendo sido pedido aos cidadãos a sua compreensão por esse facto. Este ano o Carnaval foi transmitido via internet, numa parceria entre a Rádio Sines e a ZTV. A festa continua hoje com o desfile nocturno.

Foto: FB Carnaval é Folia

Em Abril: Campeões Europeus de Futsal jogam em Sines.

980futsal1_1_980_2500.jpg

O Pavilhão Multiusos de Sines recebe, nos dias 3 e 4 de abril, dois jogos particulares da seleção nacional de futsal A masculina, coroada campeã da Europa no último fim de semana.

Ambos os jogos particulares serão disputados contra a seleção da Sérvia.

Depois de ter acolhido a Final Four Masculina e Feminina da Taça de Portugal, em 2015, e a Taça da Liga de Futsal, em janeiro de 2018, o multiusos de Sines é desta vez a escolha da Federação Portuguesa de Futebol para jogos da seleção nacional da modalidade.

Mais informação sobre este e outros eventos programados para o Pavilhão Multiusos de Sines a disponibilizar brevemente.