Supertaça de Basquetebol: S. L. Benfica X CAB Madeira

gbasquete_1_980_2500 (1).jpg

Pavilhão Multiusos | Org. Federação Portuguesa de Basquetebol, Assoc. Basquetebol de Setúbal, Câmara Municipal de Sines

Mais um grande evento de basquetebol no Multiusos de Sines. O Benfica, campeão nacional da modalidade e vencedor da Taça de Portugal de basquetebol na época 2016/2017, disputa a supertaça com o CAB Madeira, finalista vencido da última edição da taça.

Anúncios

Nova Rotunda da AV. D. Pedro I aberta à circulação

novarotunda_d.pedro_1_980_2500.jpg

A nova rotunda construída no entroncamento entre a Av. General Humberto Delgado e a Av. D. Pedro I foi aberta à circulação rodoviária a 22 de setembro.

O principal objetivo da empreitada, da responsabilidade da Câmara Municipal de Sines, foi melhorar a circulação rodoviária no entroncamento, ao evitar que os automobilistas que saem de Sines pela Av. General Humberto Delgado tivessem de circular a rotunda ao fundo da Av. D. Pedro I, junto ao cemitério.

A intervenção contempla também passeios generosos e uma ciclovia que futuramente fará a ligação à ciclovia da área comercial / Estrada da Floresta.

No momento, decorrem ainda pequenas intervenções de embelezamento paisagístico do local, estando em estudo a solução final para o miolo da rotunda.

O investimento da autarquia é de 116 398 euros.

Plástico foi o resíduo mais recolhido em Morgavel

morgavel_limpeza_1_980_2500.jpg

A Câmara Municipal de Sines, com a ajuda de 26 voluntários, recolheu mais de duas mil unidades de plástico durante a limpeza da praia de Morgavel, realizada no dia 16 de setembro, no âmbito do Dia Nacional da Limpeza de Praias.

Os polímeros – plásticos foram o resíduo mais recolhido, com cerca de 2380 unidades retiradas da areia, com destaque para a recolha de mais 1000 filtros e pontas de cigarros e mais de 500 paus de cotonetes. Nesta categoria, foram também recolhidas mais de 250 unidades de artes de pesca.

O vidro/cerâmica foi o segundo resíduo mais recolhido, com quase 80 unidades, a maior parte garrafas.

A madeira processada foi o terceiro resíduo mais recolhido, com quase 60 unidades, seguido do metal, com 29 unidades recolhidas.

O papel/cartão, 15 unidades, e os têxteis, 14 unidades, foram os resíduos menos recolhidos.

A limpeza foi organizada pela Câmara Municipal de Sines, em colaboração com a Campigir (Parque campismo de São Torpes), Centro ciclista Sineense, CIEMAR e AEMLA e com os apoios da Associação Portuguesa de Lixo marinho, Autoridade Marítima e Docapesca.

O Dia Nacional de Limpeza das Praias, promovido pela Associação Portuguesa do Lixo Marinho, integra-se numa campanha mundial de limpeza de praia liderada pela organização não governamental Ocean Conservancy, com o objetivo de que as recolhas de lixo marinho sirvam para a criação de uma base de dados a nível mundial, que inclua dados de Portugal de forma consistente e sistemática.

Esta é a quinta ação de limpeza de praias promovida pela autarquia entre 2015 e 2017, depois das limpezas da Praia da Costa do Norte (março de 2015 e abril de 2016) e das praias da Ilha do Pessegueiro e Praia Grande, em Porto Covo (setembro de 2016).

Sines participa nas Jornadas Europeias do Património.

jep_2017_1_980_2500.jpg

A Câmara Municipal de Sines, através do Museu de Sines, participa na edição de 2017 das Jornadas Europeias do Património (JEP), com atividades ligadas ao seu património marítimo entre 22 e 26 de setembro.

As jornadas arrancam a 22 de setembro, com a visita/ateliê “Histórias da Praia de São Torpes”, no Castelo de Sines, para grupos escolares, mediante marcação.

No dia 23 de setembro, pelas 14h00, decorre uma visita guiada à obra de Recuperação e Musealização das Fábricas Romanas, onde os participantes ficarão a conhecer alguns pormenores técnicos do edifício do museu de sítio que está a ser construído para as proteger e dar a conhecer melhor. A visita exige marcação prévia, no Museu de Sines, e está limitada ao número máximo de 20 participantes.

Mais tarde, pelas 15h00, decorre uma visita guiada à exposição Memórias de São Torpes, patente no Castelo de Sines até 5 de outubro, seguida do lançamento da 12.ª edição do jornal Redes do Tempo, pelas 17h00, que aprofunda algumas das memórias mais curiosas desta praia.

À noite, pelas 21h00, o Castelo de Sines recebe uma tertúlia em torno da indústria conserveira de Sines, no passado, presente e futuro.

No dia 24 de setembro, decorre uma visita à Herdade da Provença, acompanhada por alguns dos seus antigos habitantes, que irão partilhar as suas histórias e saberes. A visita tem partida do Castelo de Sines, em autocarro, a partir das 15h00, mediante marcação no Museu de Sines e limitada aos lugares existentes no autocarro.

As jornadas terminam a 26 de setembro, no Forte da Ilha do Pessegueiro, com uma visita guiada por António Martins Quaresma, às 17h00, seguida pela entrega da carta de posições de naufrágios da costa alentejana pela Associação Portuguesa de Atividades Subaquáticas e Ecoalga, às 18h00. Às 19h00, decorre uma prova de vinhos da região acompanhando o pôr-do-sol na ilha.

As atividades têm entrada gratuita.

As JEP são uma iniciativa anual do Conselho da Europa e da União Europeia, envolvendo cerca de 40 países, tendo como objetivo a sensibilização dos cidadãos para a importância da proteção do património.

Candidato Paulo Freitas exige Canil para Sines

21200519_1632290253488556_41219628885526507_o-1

Paulo Freitas, Candidato à Câmara Municipal de Sines pelos Unidos Pelos Sineenses ( CDS-PP/MPT/PPM), exige no seu Programa Eleitoral a construção de um Canil/Gatil para o Concelho de Sines. O candidato reivindica ser o que mais medidas possui na defesa dos animais. Se acordo com o comunicado enviado, o local indicado para o Canil/Gatil seria a antiga unidade de suinicultura perto da Ribeira dos Moinhos. O Candidato igualmente deseja outro tipo de campanha de sensibilização e fiscalização para incentivar a esterilização e evitar nascimentos que em boa parte dos casos leva ao abandono, e provodenciar apoio, como por exemplo, no transporte dos animais a uma consulta, devido à dificuldades financeiras e construção de abrigos para protecção durante o inverno.

Nuno Mascarenhas: Sines tem a dívida mais baixa dos últimos 14 anos

thumbnail_Foto_16set.jpg

O Partido Socialista apresentou no passado sábado, dia 16 de setembro, as listas de candidatos aos órgãos autárquicos de Sines num jantar onde compareceram mais de quatro centenas de sinienses, que decorreu no Pavilhão dos Desportos de Sines.

Neste encontro, o Partido Socialista divulgou os nomes que compõem as listas às próximas eleições autárquicas de 01 de outubro, lideradas por Nuno Mascarenhas, candidato à Câmara Municipal de Sines, e ainda o Candidato à Assembleia MunicipalJosé Luís Batalha, o Candidato a Presidente da Junta de Freguesia de Sines, Joaquim Serrão, e o candidato a Presidente da Junta de Freguesia do Porto Covo, Cláudio Rosa, tal como as respetivas equipas.

Nuno Mascarenhas realçou o trabalho desenvolvido pelo Partido Socialista nos últimos quatro anos em Sines e destacou aquelas que foram as prioridades para o concelho: o saneamento financeiro e equilíbrio das finanças públicas e a preparação de um conjunto de projetos estruturantes que já se iniciaram, no valor aproximado de 10 milhões de euros, para aproveitar as verbas provenientes do atual Quadro Comunitário.

O candidato do PS à Câmara Municipal de Sines sublinhou que «atacámos o problema da dívida da autarquia e hoje o município de Sines tem a dívida mais baixa dos últimos 14 anos. Diminuímos substancialmente o prazo médio de pagamentos aos fornecedores locais, condição essencial para o funcionamento regular da autarquia».

O encontro contou ainda com a presença de Pedro Marques, dirigente do secretariado nacional do Partido Socialista e Paulo Trigo e Eurídice Pereira, dirigentes da Federação do PS do Distrito de Setúbal.

FMM Sines recebe maior prémio internacional de sempre

fmm_effe_premio_1_980_2500

O FMM Sines – Festival Músicas do Mundo é um dos seis festivais europeus premiados com o EFFE Award 2017. Entregue pela European Festival Association, em Bruxelas, no dia 18 de setembro, é o maior reconhecimento internacional que o FMM Sines recebe ao longo de 19 edições de existência.

Depois de ter sido um dos 715 festivais de 39 países europeus a receber o selo de qualidade EFFE 2017-2018 e de ter sido considerado um dos 26 Festivais Laureados, a consagração europeia do FMM Sines culmina com a atribuição do EFFE Award, entregue por um júri internacional a “seis dos mais influentes festivais europeus”.

Para o júri, o festival de Sines impressiona por promover “uma diversidade real – não um diversidade cosmética” e por constituir uma “celebração da arte, da vida e do cosmopolitanismo”.

A cerimónia de entrega dos prémios teve as presenças do ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, do presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, e do diretor artístico do FMM Sines, Carlos Seixas.

Luís Filipe Castro Mendes manifestou-se “muito feliz com uma distinção que representa uma consagração europeia a um festival fantástico em Portugal, que é o FMM Sines, que tem um aspeto cosmopolita, de música do mundo, de música altamente sofisticada, interessante e ao mesmo tempo ligada às raízes populares e tradicionais”.

Nuno Mascarenhas mostrou-se muito satisfeito pelo reconhecimento europeu de um trabalho desenvolvido ao longo de 19 anos. “Trata-se de um prémio que nos enche de orgulho, e que acaba por promover Sines, que para nós também é bastante importante”. O presidente da autarquia agradeceu ainda o apoio e presença do ministro da Cultura e também o apoio da Comissão Europeia e do Parlamento Europeu ao projeto EFFE.

Carlos Seixas lembrou que, em duas décadas, cerca de de 3000 músicos, oriundos de mais de 120 países e regiões, tocaram para mais de 1 milhão de espetadores, numa pequena cidade na costa alentejana. “A visão do FMM Sines não mudou desde o início da sua viagem. Um festival de serviço público, guiado pelos valores artísticos. Um festival para promover a exposição às diferentes expressões musicais e culturais, combater o medo e aceitar a diferença”.

A par do FMM Sines, foram também premiados os festivais Altofest International Contemporary Live Arts Festival (Itália), European Film Festival Palic (Sérvia), Gdansk Shakespeare Festival (Polónia) e Utrecht Early Music Festival (Holanda). O Edinburgh International Festival, na Escócia, um dos maiores festivais do mundo, recebeu um prémio especial do júri.

A plataforma EFFE – Europe for Festivals, Festivals for Europe é uma iniciativa da European Festival Association, com o apoio da Comissão Europeia e do Parlamento Europeu.