Terminal de GNL cresceu 40% em 2019 e é a nova aposta do porto de Sines.

article-1

No ano passado, registou-se um crescimento exponencial da movimentação de carga no terminal de  GNL – Gás Natural Liquefeito, que protagonizou um crescimento de c 40% face ao período homólogo.

Em 2019, o porto de Sines verificou “um crescimento de 4% na movimentação de granéis líquidos, alavancado pelo GNL a registar uma variação homóloga acima dos 40%”, destaca um comunicado da APS – Administração dos Portos de Sines e do Algarve.

“O Terminal de Gás Natural de Sines obteve uma excelente ‘performance’ em 2019, registando um crescimento de 44,5%, face ao período homólogo, ultrapassando os quatro milhões de toneladas, o que lhe permitiu reforçar a sua posição de principal porta de entrada de GNL no país, sendo responsável por cerca de 90% do consumo nacional”, adianta o referido comunicado.

O mesmo documento da APS assinala que “a crescente descarbonização da economia teve impacto nos índices de movimentação do porto de Sines, refletindo-se em dois dos principais segmentos de carga – granéis líquidos, com as ramas a registarem um decréscimo de 16%, face à redução de recepção de matéria prima por parte da refinaria de Sines; nos granéis sólidos, a redução do recurso ao carvão para produção de energia, privilegiando energias mais limpas levou a um decréscimo de 39%”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s