Abril mês de vencer o pico da covid-19.

730898

Abril será um mês duro e baixar a guarda pode ser fatal. Aumento de doentes em cuidados intensivos preocupa médicos e dias críticos da pandemia vão exigir capacidade contínua para internar doentes. ‘Até aqui o SNS está a dar uma boa resposta, mas temos de apostar tudo na antecipação’, apela bastonário dos Médicos.  Mês crucial de abril. A expressão foi usada por Marcelo Rebelo de Sousa para carregar a importância e a dificuldade das semanas que o país vai atravessar. O desfecho é a primeira incógnita do processo de recuperação – espera-se – que se seguirá. “Ganhámos a primeira batalha: adiámos o pico, moderámos a progressão do vírus, onde se o número de infectados começara a crescer a mais de 30%, baixou para 15% e nos últimos dias inferior a 15%. Ganhámos tempo”, disse o PR. “Temos de ganhar a segunda fase. Não podemos desbaratar a consolidação da primeira. Temos de consolidar a moderação do surto com números que vão subir e muito em valores absolutos mas irão, esperamos, descer em percentagem”.

Foto: Miguel Riopa/AFP

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s