Galp vai parar refinaria de Sines a 4 de Maio e por um mês, mas não recorre ao lay-off.

Screenshot_20200420-212203_Chrome

Segundo avança o Observador, a Galp vai parar a produção na refinaria de Sines a partir de 4 de maio e durante um mês, este é o período expectável da paragem, segundo fonte oficial da empresa. A mesma fonte justifica esta decisão com o facto de a capacidade de armazenagem estar “a atingir rapidamente o seu limite”. A empresa assegura que esta paragem planeada não terá impacto nas pessoas afectas à refinaria da Galp, estando assegurado o abastecimento das necessidades de mercado. Esta paragem já está a ser planeada e resulta também das exigências de segurança no que diz respeito às restrições técnicas que afectam a operação. A Galp adianta que a pandemia “criou constrangimentos no mercado nacional e internacional” que a forçaram a ajustar o aparelho refinador que começou pela paragem da refinaria de Matosinhos.

“O prolongamento do estado de emergência, com a imposição de medidas extremas de contenção, quarentenas cada vez mais restritivas e a paralisação da maioria das actividades económicas, estão a criar restrições operacionais severas, causando, inclusive, interrupções na cadeia de abastecimento, em particular por não ser possível escoar os produtos produzidos”, sublinha a Galp.

A empresa sublinha que este quadro interfere e impõe “restrições técnicas à operação das refinarias da Petrogal, cuja capacidade de armazenamento está a atingir rapidamente o seu limite. Estas unidades exigem níveis técnicos mínimos para operar, por força da produtividade mínima do equipamento produtivo, sem afectar a integridade dos ativos e a segurança de pessoas e do ambiente”. Daí que, justifica a Galp, será necessário suspender “temporariamente a operação da generalidade dessas instalações a partir de 4 de maio de 2020, por um período expectável de um mês”.

A refinaria de Sines é objecto de paragens de manutenção planeadas e regulares, a cada dois/três anos, mas será a primeira vez que vai parar por não ter mercado onde vender os produtos refinados.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s