Procura de autocaravanas para o verão dispara. Cresce ao ritmo de 400%

image (1)

Desconfinados nas férias, mas protegidos numa casa sobre rodas por causa da pandemia de Covid-19. Parece ser esta a estratégia de muito portugueses para o verão. E uma grande parte vai experimentar autocaravanismo pela primeira vez, como revelam os dados fornecidos à TSF pela Yescapa, uma plataforma de aluguer de autocaravanas entre particulares, também conhecida como “Airbnb do autocaravanismo”.

“Este ano temos um crescimento de quase 400 por cento de visitas no site”, revela a gestora de operações da empresa, Julie Da Vara sublinhando que “78% são novos visitantes que não tinham conhecimento do site nem deste tipo de fazer férias”.

Até ao momento, a procura traduziu-se num “aumento de 50% das reservas confirmadas”, face aos negócios concretizados no ano passado nesta plataforma francesa que opera em Portugal pelo terceiro verão consecutivo.

Julie Da Vara antecipa que estes números ainda vão “crescer mais” porque “as pessoas ainda estão a planificar férias” e os portugueses tendem reservar em cima da hora. “Conseguimos perceber que este verão vai ser ainda mais forte”, resume a lusofrancesa que também é sócia da empresa.

Do lado da oferta, também cresceu o número de proprietários que pretendem rentabilizar as autocaravanas, alugando-as. “A solicitação está a ser muito forte, temos criação de anúncios todos os dias”, diz Julie Da Vara. No final de 2019, a Yescapa tinha 420 veículos disponíveis, hoje tem 600 viaturas anunciadas.

Maioria de autocaravanistas portugueses
O aumento de pessoas interessadas em fazer férias numa autocaravana neste verão é também confirmado pelo presidente da Federação Portuguesa de Autocaravanismo (FPA). Embora sem poder quantificar, Manuel Bragança refere aumentos na venda de veículos, mas “sobretudo no aluguer” com “as pessoas a fugirem de apartamentos e hotéis” num “verão atípico que foge os parâmetros normais do turismo itinerante” mas onde o setor se torna “apetecível” para quem enfrenta o “problema económico”.

Foto: Arquivo – © Nuno Veiga/Lusa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s