Governo acaba com conferências de imprensa diárias de acompanhamento à Covid-19.

734265

Exactamente 105. Foi este o número de vezes que a directora-geral da Saúde, Graça Freitas, acompanhada da ministra da Saúde ou do secretário de Estado da Saúde, Marta Temido e António Lacerda Sales, assim como de outros responsáveis do governo, falaram ao País desde março, mês em que a pandemia de Covid-19 chegou a Portugal.

Ontem, a ministra da Saúde anunciou que o acompanhamento da doença vai deixar de ser diário. “Atendendo à situação epidemiológica do País, mantendo-se apenas os focos que se conhecem em alguns concelhos, acontecerá apenas três dias por semana”, explicou.

Portanto, os responsáveis vão falar ao País sobre o impacto da pandemia à segunda, quarta e sexta-feira. No entanto, mantém-se a atualização diária dos números, que pode ser consultada através dos sites oficiais da Direção-Geral da Saúde (DGS) ou da Covid-19 em Portugal (criado pelo Ministério da Saúde).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s