País passa para Estado de Alerta. Multas até 5 mil euros para quem não cumprir regras.

Screenshot_20200625-191247_Chrome

A generalidade do país vai passar em 01 de julho para a situação de alerta devido à pandemia de covid-19, sendo a exceção a Área Metropolitana de Lisboa, anunciou hoje o primeiro-ministro. Em conferência de imprensa, realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, António Costa avançou que a maior parte do país vai passar de situação de calamidade para alerta, enquanto a Área Metropolitana de Lisboa (AML) passa para situação de contingência (nível intermédio) e 19 freguesias da AML mantêm o estado de calamidade. Para a generalidade do país, que vai passar a situação de alerta às 00:00 de 01 de julho, António Costa sublinhou que “não significa retomar a normalidade pré-Covid”. O primeiro-ministro anunciou ainda um novo regime de coimas: “Vamos criar um regime de contra-ordenações que implica que as forças de segurança podem agora sancionar quem não cumpra as regras com multas entre 100 a 500 euros para indivíduos e entre mil e 5 mil euros para pessoas colectivas”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s