Alentejo regista a melhor recuperação turística do país em julho.

alentejo-litoral

O Alentejo teve a melhor recuperação turística em julho, impulsionada pelo turismo interno, com a menor descida homóloga do país, de 25,8% no número de dormidas, divulgou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com a estimativa rápida da atividade turística, citada pela Lusa, o Alentejo continuou a apresentar a menor diminuição no número de dormidas em julho deste ano, descendo 25,8% (-6,6% no caso dos residentes e -63,3% no de não residentes) e totalizando as 267,7 mil.

Ainda segundo os dados divulgados pelo INE, em julho de 2020, o setor do alojamento turístico deverá ter registado 1 milhão de hóspedes e 2,6 milhões de dormidas, o que corresponde a variações homólogas negativas de 64,0% e 68,0%, respetivamente, depois de em junho as descidas terem sido de 82,0% e 85,2%, pela mesma ordem.

A recuperação deve-se sobretudo aos residentes, cujas dormidas atingiram 1,7 milhões e representaram 65,5% do total (diminuição de 31,3%, depois de uma descida de 59,7% em junho, face ao mesmo período de 2019). Já as dormidas de não residentes terão decrescido 84,2%, em julho, quando em junho tinham diminuído 96,2%, situando-se em 906,6 mil. Os hóspedes residentes terão sido 719,3 mil, uma redução de 32,7% (-60,3% em junho) e os hóspedes não residentes terão atingido um total de 305,8 mil, recuando 82,8% (-95,6% no mês anterior).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s