Central de Sines com luz verde para fechar

Segundo avança o Jornal de Negócios, a DGEG – Direcção Geral de Energia e Geologia, considera que o fecho da central a carvão de Sines não põe em risco a segurança energética, tendo já dado aval à revogação da licença da EDP a partir de 15 de janeiro. Quanto ao futuro dos trabalhadores, a EDP garante que há conversações entre as partes. Em Novembro, o Ministro do Ambiente e da Acção Climática (MAAC), Matos Fernandes tinha afirmado que os cerca de 400 trabalhadores da central termoelétrica de Sines são prioridade do Governo afirmando que “estamos a trabalhar para que esses empregos sejam menos acautelados e que as pessoas tenham as formações necessárias para poder ter um outro emprego”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s