Directora Regional de Cultura do Alentejo manifesta profundo pesar pela perda de João Cutileiro.

A Directora Regional de Cultura do Alentejo manifesta publicamente a mais profunda consternação pelo falecimento do escultor João Cutileiro (1937-2021) e endereça à família as mais sinceras e sentidas condolências. 

Indiscutivelmente um dos mais singulares artistas portugueses do século XX, com uma vida dedicada à arte, à criação artística e à divulgação e fomento da escultura, João Cutileiro difundiu amplamente a Cultura portuguesa, em Portugal e no estrangeiro, ao longo de mais de setenta anos. 

A inestimável obra de uma vida, também como artista plástico e fotógrafo, o talento, a personalidade generosa de João Cutileiro, continuarão a inspirar jovens artistas, a contribuir para a criação, para o estudo e investigação, continuando a desafiar, a renovar. A fruíção do seu trabalho, no Alentejo, no país, no mundo, perpetuará a memória do escultor, que vivia em Évora desde 1985, e torná-lo-á perene tal como a pedra que trabalhava, desafiando o tempo efémero.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s