Refinaria de Sines não vai conseguir substituir vários produtos fabricados em Matosinhos, avisa sindicato.

A refinaria de Sines não vai conseguir substituir vários produtos fabricados na refinaria de Matosinhos. Com o encerramento desta unidade, vários produtos vão deixar de ser completamente produzidos em Portugal, sendo necessário passar a comprá-los ao exterior.

O alerta foi deixado hoje no Parlamento pela federação intersindical Fiequimetal, afecta à CGTP. “Matosinhos não é uma refinaria só de combustíveis, é um complexo petroquímico com cinco fábricas”, começou por dizer o dirigente da Fiequimetal, Telmo Silva, alertando que Sines não vai conseguir dar resposta ao encerramento de Matosinhos.

O dirigente sindical deu o exemplo de três tipos de produtos que vão deixar de ser fabricados no país com o fecho da refinaria de Matosinhos: asfaltos para as estradas, óleos de base e lubrificantes e químicos aromáticos.

No caso dos asfaltos para a reparação de estradas, este responsável apontou que “amanhã quando quisermos reparar uma estrada em Portugal vamos ter de depender de importação”.

Depois, outro produto exclusivo de Matosinhos são os óleos de base e lubrificantes que “asseguram o fornecimento a toda a indústria nacional de transportes, máquinas de grandes dimensões, até aos motores de automóveis, passando pela indústria naval e aeronáutica”.

Em terceiro, destacou os aromáticos “uma variedade de químicos essenciais para alimentar o complexo químico de Estarreja e outras indústrias desde a farmacêutica à cosmética”.

“Todos estes produtos, alem de serem essenciais para diversas industriais nacionais e terem uma utilização extremamente diversificada, conferem ao país uma enorme capacidade exportadora contribuindo para a balança comercial com 480 milhões de euros em termos de exportações”, disse aos deputados da comissão de Ambiente e Energia.

“Com o possível encerramento de Matosinhos, o país deixará de exportar e passará a ter que importar tornando a frágil economia portuguesa ainda mais dependente do exterior”, alertou.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s