Instalação Marítima Ellalink concluída.

No dia 4 de março de 2021 foi realizada a junção final do cabo transatlântico EllaLink em mais de 4500 metros de profundidade, 400 quilómetros a nordeste da crista do Médio Atlântico.

Após a junção, foram efectuados testes de conectividade e potência e posteriormente foi anunciada a conclusão oficial da instalação marítima EllaLink, estando agora a Europa e a América Latina diretamente ligadas pela primeira vez.

O comissionamento da rede encontra-se em curso e, em breve, os centros de dados em Sines, Lisboa e Madrid estarão conectados a Fortaleza, Rio de Janeiro e São Paulo, segundo anunciou a EllaLink via LinkedIn.

Recorde-se que a empresa EllaLink tinha anunciado a 6 de janeiro a ancoragem do seu sistema de cabos submarinos em Sines, a partir de onde se estabelecerá a ligação da Europa à América Latina.

Uma operação de investimento de 150 milhões de euros, o cabo deverá ficar plenamente operacional no segundo trimestre deste ano, proporcionando um nível de conectividade internacional sem precedentes entre os dois continentes.

“Com o cabo submarino e a área de implantação de empresas SinesTECH, Sines passará também a ser uma referência no setor tecnológico, baseado na inovação e no conhecimento e sem pressão ambiental. Esta nova aposta irá incrementar a actividade económica na região e contribuir para uma nova realidade que não se baseará apenas no porto e nos sectores estratégicos como as energias e a petroquímica.”, disse o presidente da Câmara, Nuno Mascarenhas, na altura da ancoragem do cabo em Sines.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s