Sines cada vez mais primeiro nos contentores.

Nunca Sines pesou tanto no tráfego de contentores nos portos nacionais. Cresceu 30,9% em Janeiro e atingiu uma quota de mercado de 62,7%.

Em Janeiro, os portos nacionais movimentaram 257 384 TEU, o que representou uma subida homóloga de 17,1%. Sines contribuiu com 161 392%.

Na análise aos resultados, a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT) refere o aumento do tráfego de transhipment em Sines (cresceu 44,9% em Janeiro e representou 73,1% do total),  mas sublinha também os ganhos no tráfego do hinterland, que garantem ao porto liderado por José Luís Cacho o segundo lugar no ranking no segmento, com uma quota de 32,2% (Leixões lidera com 37,3%).

Noutra dimensão, Setúbal e Figueira da Foz também registaram fortes ganhos em Janeiro, de 29,9% (para 12 384 TEU) e 32% (para 1 874 TEU), respectivamente.

Em Leixões movimentaram-se 54 725 TEU, 0,1% acima do realizado há um ano.

Em contraciclo, Lisboa continuou a perder movimentos. Em Janeiro recuou 12,9% e ficou-se pelos 27 008 TEU.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s