Porto de Sines atinge crescimento global de +10% e subida de +16% nos contentores até Março.

Segundo avança a Revista Cargo, o arranque de 2021 foi auspicioso para o Porto de Sines no que toca a uma das cargas pilar da infra-estrutura alentejana: os contentores. Assim nos primeiros três meses do ano, o porto movimentou 440.645 TEU, registo que traduz uma evolução homóloga de 16%, com a carga contentorizada de importação e exportação a atingir os 104.391 TEU. Sines mantém, assim, a trajectória de crescimento apresentada no final do ano anterior.

Porto de Sines movimentou 12 milhões de toneladas (+10%) até Março

O conjunto de todos os segmentos de carga, adiantou a administração portuária (APS) em comunicado, cifrou-se em perto de 12 milhões de toneladas movimentadas entre Janeiro e Março de 2021, espelhando assim um crescimento homólogo de 10%, «demonstrando que esta infra-estrutura portuária não registou impactos relevantes na sequência da recente crise causada pelo bloqueio do Canal do Suez», vinca a missiva.

O segmento da carga geral, onde se incluem os contentores, registou 5,6 milhões de toneladas movimentadas e contribuiu «decisivamente para os resultados globais do porto». No segmento de granéis líquidos, onde se incluí o crude, os refinados e o gás natural, registou-se um crescimento homólogo de 4%, com mais de 6 milhões de toneladas movimentadas, mantendo Sines como a principal porta do país para produtos energéticos.

Comunidade portuária mostrou «resiliência» em contexto adverso

A APS elogia ainda a «resiliência demonstrada por toda a comunidade portuária de Sines» durante o trimestre inicial «positivo» de 2020: mesmo perante o adverso contexto pandémico, o porto e toda a comunidade logística e envolvente foi capaz de assegurar a integridade e fluidez das cadeias de abastecimento, «em prol das necessidades da economia». No horizonte, frisa a APS, está «mais um ano positivo» para o porto alentejano.

«Os valores apresentados nestes três primeiros meses permitem perspectivar mais um ano positivo para o Porto de Sines, numa altura em que decorre a bom ritmo a ampliação do Terminal de Contentores – Terminal XXI, sem qualquer interferência na operacionalidade do porto, e que irá representar um aumento da capacidade de 2,3 milhões para 4,1 milhões de TEU anuais»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s