Projecto do Terminal Vasco da Gama alterado para atrair candidatos

Segundo avança o Jornal de Negócios, oGoverno aprovou hoje em Conselho de Ministros, o decreto-lei que altera as bases da concessão da exploração do novo terminal Vasco da Gama no Porto de Sines. A medida é adoptada após o primeiro concurso, em abril do ano passado, ter ficado deserto.

Agora, o Executivo indica que “o objectivo será de redimensionar o projecto do novo terminal de contentores de Sines, ajustando-o às condições actuais da concorrência, visando atrair um maior número de concorrentes, permitindo a flexibilização do investimento inicial no projecto, garantindo uma maior sustentabilidade ao investimento”.

O concurso inicial previa a concessão por 50 anos e um investimento de 642 milhões de euros.

Perante a falta de interessados, o presidente da Administração dos Portos de Sines e do Algarve admitiu, em entrevista ao Negócios e Antena 1, que para garantir a viabilidade económica do projecto, nas actuais condições de mercado, vai ser necessário começar com menos carga e, assim, um investimento inicial menor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s